Gestantes terão parto em hospitais particulares na gestão de Jânio Natal


O Plano de Governo participativo dos candidatos a Prefeito e vice, Jânio Natal e Paulinho Toa Toa, foi criado a partir pesquisas com à população e reuniões com lideranças comunitárias, contendo quase 200 páginas de propostas inovadoras e focadas no bem-estar das pessoas. 

Na área da saúde, grande preocupação de Jânio Natal ao longo dos seus 32 anos de política, as gestantes terão atenção especial para ter seus filhos de forma digna e segura. 

“Sendo prefeito e vice, vamos  fazer parcerias com clínicas e hospitais particulares de Porto Seguro, para que as grávidas tenham seus filhos. Vamos construir maternidades, no litoral sul e na sede, para que as mamães não dependam mais apenas do hospital estadual, que atende a todos os tipos de enfermidades. Chega de mulheres tendo seus filhos na balsa”, afirma Jânio Natal. 

Hoje, as gestantes que dependem do SUS, têm como única opção o Hospital Luiz Eduardo Magalhães, local onde também tem UTI e leitos para pacientes com covid-19 e outras doenças, graves ou não.

 O objetivo da coligação “Aliança do Bem” é proporcionar mais conforto e segurança às famílias no momento do nascimento de seus filhos, em ambiente adequado para esse momento tão especial na vida de todos. 

“Prometeram uma casa de parto para a cidade, mas não cumpriram. Eu e Paulinho vamos atender a este pedido, praticamente súplica, das mulheres da nossa cidade. É um absurdo o que elas passam na hora de ter suas crianças e não iremos permitir esse descaso com as gestantes. Enquanto a Maternidade Municipal estiver em construção, elas serão encaminhadas a  hospital particular, com o parto pago pela Prefeitura,” conclui Paulinho Toa Toa. 

No plano de governo do 22 inclui também a doação de Kit Maternidade para as mães carentes, fim das filas para marcação de consultas, exames e cirurgias, ambulâncias em todos os distritos e áreas rurais do município, além de centro oncológico, unidade de hemodiálise e cirurgias cardíacas; entre outras medidas que visam melhor à assistência à saúde da população. 


Por Fernanda Rodrigues

ASCOM Jânio Natal

Postar um comentário

0 Comentários